Cidades Coirmãs

Essa fotografia foi tirada em 1971, no dia da inauguração da Praça Taquaritinga em Cubatão. Da esquerda para a direita aparecem: Orlando Curti Júnior, Orlando Curti (taquaritinguense e diretor da Câmara Municipal de Cubatão na época), Dona Emilia (Biloca) Menon da Silva, Dr. Adail Nunes da Silva, Dr. José Claudinê Bassoli, Maria do Carmo Bassoli, Maria do Carmo Amaral Curti (esposa do Orlando Curti), Dr. José Carlos Sobral e, atrás dele, com as mãos em seu ombro, o senhor Francisco Curti, pai do Orlando. Bassoli, ex-presidente da Câmara, disse que Orlando Curti era chamado pelo Dr. Adail como embaixador de Taquaritinga em Cubatão.

Daí nasceu esse relacionamento entre as duas cidades, que passaram a ser chamadas de cidades irmãs. No dia dessa foto, Dr. Bassoli recebeu o título de cidadão cubatense. Pedro Hildebrando era presidente da Câmara daquela cidade e o prefeito era Nei Eduardo Serra. A praça fica no bairro Parque Fernando Jorge.

Em 7 de abril de 1970, o prefeito Adail sancionou a Lei 1.084, que declara as cidadãs como coirmãs. Logo depois, foi inaugurada a Praça Cubatão, entre a Vila Sargi e o Talavasso. Com a morte do taquaritinguense Orlando Curti, na década de 1990, a relação entre as duas cidades ficou esquecida.